sábado, 21 de março de 2009

Brincadeiras entre malmequeres

Logo à chegada, enquanto nos instalávamos, o Sammy enfeitou a mesa do quartinho com malmequeres.


Os malmequeres são as minhas flores favoritas, assim como as da sis. Acho que gosto deles pela sua simplicidade. Há muitos anos que não tinha uma coroa de malmequeres na cabeça. (thanks, sis!)





quinta-feira, 19 de março de 2009

Toca a pedalar!



Jojó e o gato

Acho que o Jojó pensou no Flippy, no gato que deixámos em casa e toca de agarrar este gatito sempre que passava por ele. Ora para o limpar, dizia que estava sujo e sacudia-lhe a terra, ora siplesmente para lhe fazer companhia. Parece que escolheu bem, pois dentre os gatos da quinta este era realmente o mais meiguinho e dado.


terça-feira, 17 de março de 2009

Porque hoje faz 7 meses que a nossa grand adventure começou...


Foi muito bom estar naquele sossego contigo... ;)

{1ª foto by: Sis}

No quentinho da lareira...


video

O vídeo foi "realizado" pelo Sammy :)

segunda-feira, 16 de março de 2009

Bem cedo pela manhã

Ainda a malta dormia quando eu, o Sammy e o Jojó espreitámos a manhã. Eu e a sis tinhamos falado em ver o nascer do sol, mas já nos deitámos a poucos horas dele se levantar, por isso não conseguimos o feito. Os dois pimpolhos acordaram às 7h e ao fim de meia hora (+ ou -) saímos. Os malmequeres ainda não tinham despertado e aquela luz bonita da manhã pairava sobre a quinta. Sabe bem levar cedo no campo e respirar frescura da manhã, observar, ouvir e descobrir as gotas de orvalho salpicando um pouco de tudo. A quinta já tinha acordado há algum tempo e até já leite tinha sido vendido para fora.




Fomos andando devagar, mergulhados no calmo cenário de uma manhã no campo.



Demos os bons dias aos vitelos mais novinhos, que aguardavam com alguma impaciência o pequeno-almoço. Muito queridos, sinto alguma falta de estar em contacto com eles. Cuidar de animais é realmente algo muito especial, que nos enche de amor, calma e paciência e ensina tanto!




O canto dos pássaros foi uma presença constante nestes dias na quinta e pela manhã parece que a sua canção era ainda mais sonora e harmoniosa. Demos um salto à vacaria, onde as vacas mais curiosas se aproximaram.


Este salgueiro encontar-se no meio da quinta e parece-me sempre invocar "descanso".
Quando o papá, mano e padrinhos acordaram fomos buscar leite fresco para o pequeno-almoço.